Bom dia, Simpatia!

Acho que era 1999, eu devia ter uns 7 anos e não sabia nada sobre namorar e coisas do tipo, mas lembro que senti algo diferente quando olhei pra ela. Não resisti e tive que fazer o convite: “Vamo brincar de chocolate inglês?”

É, nossa história começou há muito tempo. Nossos pais participavam do Encontro de Casais com Cristo na Catedral de Montes Claros, e durante as reuniões os filhos brincavam no salão da igreja. O jogo era ver quem conseguia em um pulo pisar no pé do outro, mas tinha um pé que minha papete do seninha acertava com mais frequência. Então acho que posso dizer que se não fosse pela Kimberly, Maria Clara teria sido meu primeiro amor.

Sempre fomos bons amigos, mas demorei perceber que ele me olhava diferente, até um dia em que foi comigo ao ponto de ônibus. Achei que ele não ficaria ali já que estava de bicicleta, mas disse que não me deixaria lá sozinha. Achei engraçado, aliás, essa noite rendeu boas risadas. Ele sempre foi bom em me fazer rir.

E assim foi durante anos, de uma forma ou de outra a gente sempre se encontrava. E quando fiz 15 anos precisava escolher quem seriam as pessoas que dançariam a valsa comigo, e mais uma vez quem estava lá?

Bem mais tarde, em 2012, o Eddie prestes a ir pra Coréia volta a Montes Claros e começam as várias sessões de despedida, ressuscitando gente que há muito não via, inclusive Maria Clara. Nostalgia vai, conversa vem, começamos a nos encontrar todos os dias, e aquela mesma sensação de muitos anos atrás volta ainda mais forte. Todos os dias de manhã ela me mandava um SMS (sim, um SMS) dizendo “Bom dia Simpatia =)”. Foi um período bem intenso, “pós-fim” de relacionamento, processo de discernimento vocacional e muitos encontros. Só então a ficha caiu e tive certeza de que não tinha mais jeito pra mim. Eu queria namorar com ela, só não sabia como dizer isso.

Chega mês de Dezembro e a empresa em que eu trabalhava fez uma festa enorme para comemorar o ano de sucesso e recebi dois convites…

Eu estava tranquila na minha casa quando Vi ligou me convidando para uma festa do Banco. Eu logo disse que sim e desligamos o telefone, nunca tivemos uma conversa tão rápida. Fiquei ansiosa não sei por que, mas muito feliz. Daí pra frente isso não saiu da minha cabeça, só sabia que precisaria de um vestido novo.

SAM_3061

Chegou o dia da festa, me arrumei e fui buscá-la em casa. Ela estava realmente linda naquele vestido vermelho, o que me deixou ainda mais nervoso. Chegamos na festa e eu não sabia o que fazer, até me perdia nos meus diálogos mentais: “anda logo seu frouxo, fala pra ela!”. Então tive a brilhante ideia de chamá-la para dançar, só havia esquecido de que eu não sabia dançar.

Estava muito cheio e barulhento, e enquanto caminhávamos ele segurava minha mão como quem me guiava, até que me chamou pra dançar. Meu Deus, como ele dançava mal! Depois de pisar no meu pé pela terceira vez ele desistiu e nos sentamos.

A festa já estava acabando e então resolvi chamá-la pra conversar. Pronto, agora já era. Sentamos no jardim da festa e comecei a tremer, minhas piadas já não iriam me ajudar ali, gaguejei e tomei a minha água, a água dela e de repente abri a boca e despejei um caminhão de palavras. Uma década e meia de coisas entaladas na garganta. Foi bem brega, bem meloso, se eu tivesse anotado daria uma bela música do Amado Batista.

Nunca tinha visto ele tão nervoso. Quando falou que “queria conversar” minhas mãos suaram e acho que fiquei mais ansiosa que ele. Apesar de tudo, de tantas piadas das minhas amigas, de tantas pessoas me falando que já estávamos passando da hora de ficar juntos e que era muito óbvio, não acreditei quando ele disse tudo aquilo. E eu sabia que era tudo de verdade, eu sentia. E logo de primeira já me pediu em namoro, e depois do nosso primeiro beijo percebi que os garçons já estavam recolhendo as mesas, a festa já tinha acabado, mas nossa história só estava começando.


Vinícius, 24 anos. Administrador, bancário, Filho de Maria. Nasceu em Montes Claros, mora em Januária. Meio músico, mais ou menos ator e apaixonado por esportes radicais (mas só pratica umas três vezes por ano).


Maria Clara, Montesclarense, 22 anos e Engenheira Civil. Comunidade Filhos de Maria. Curte sanduíche, viagens e netflix com pipoca de doce. Gosta de receber abraços e de fazer artesanato.

Pra compartilhar um pouquinho de tudo que a gente gosta.
Bem vindos ao blog Há Dois!

13 Replies to “Bom dia, Simpatia!”

  1. Os tops dos tops.. 🔝🔝🔝🔝

  2. Ana Paula Mendes says: Responder

    Nossa, que história linda! Sempre admirei este casal!😊

  3. Maria Fernanda says: Responder

    São muito lindos!
    É bonito ver um casal assim!
    Achei a história de vcs mais bunitinha! 😊

  4. Mary (prima) says: Responder

    Que fofinhos 😍

  5. Camila Azevedo says: Responder

    E eu sou fã dos dois! 🙂 Lindos de Maria! ❤

  6. Lindos que amo de paixão! Essa história começou engraçada, continua engraçada e ainda irá render grandes piadas! E assim a vida continua, muita alegria, amor e esperança de dias melhores!😃

  7. Dayane Siqueira says: Responder

    Que fofura gente!!! Algumas coisas nessa história me fizeram lembrar da minha história com mozão. Tem momentos que vcs viveram bem parecidos com os que vivi com Paulinho. Amei!!!!!!!!

  8. Denise Vasconcelos Carvalho says: Responder

    Ai gnt, como não lembrar de você se arrumando pra essa festa de final de ano em clarinha ? HAHAHA eu tava la te ajudando *0*. Fico feliz de mais em saber que fiz parte de tudo isso, felicidades sempre lindezas do meu coração. Amo vocês .

  9. Maria Teresa Oliveira says: Responder

    Amei! Engraçado.. não sabia esse lado da história. O lado mágico que só quem é protagonista entende, enxerga, sente. Que esse conto leve a vida toda, e se existirem outras vidas, também! Até senti as respirações de vocês, enquanto escreviam (ou falaram, não sei), lembrando desse dia tão especial. E que vocês sejam dispostos, sempre, a esse amor. Saudades casal. ;D

  10. Sheila gusmão says: Responder

    Que lindinhos!!! Amei a história de vocês, fiquei emocionada…

  11. Hahahha, Clarinha me lembro dessa festa! Fui te ajudar a arrumar! Você lembra? Como passa rapido. Parabéns vocês são lindos!!

  12. Ai que lindo! Meu Deeeeus! <3

  13. Tia Marlene - EAC CATEDRAL says: Responder

    Que coisa mais linda esses meus sobrinhos. Que gostoso saber desse lindo amor entre vocês. Estou ainda mais apaixonado por vocês. Aproveito para agradecer pelos lindos momentos que promovem juntos nas palestras do EAC CATEDRAL. Que Jesus e Maria sejam sempre presentes na história de vocês. Um beijo da tia que ama muito vocês.

Deixe uma resposta