Já pensou em fazer um diário de bordo?

As vezes estamos envolvidos em tantas coisas na nossa vida que fica difícil controlar todas elas. Isso pode gerar insegurança e nos fazer sentir perdidos. Não ter certeza de onde podemos melhorar ou em que focar as energias é uma questão que passa pela cabeça de muita gente. E a boa notícia é que existem ferramentas simples para ajudar nossa mente nesses momentos. Uma delas é o diário de bordo: um caderno onde você faz anotações sobre seu dia. Ele pode te auxiliar a se manter focado, além de permitir que você veja seu progresso com o tempo.

Porque usar um diário de bordo?

O conceito do diário de bordo vem de muito tempo atrás. Na época das navegações, além da bússola a tripulação usava um diário onde anotavam tudo que acontecia durante a viagem. Dessa forma informações importantes e as novas experiências vividas eram registradas.

Como ferramenta, o diário te faz refletir sobre seu dia em diferentes aspectos. Você deve pensar no que fez, em como foi o seu dia, suas conquistas e falhas. E também concluir quanto ao que deve ser melhorado, como melhorar e o que você pode continuar fazendo.

A ideia é que você consiga visualizar sua produtividade, onde você está acertando e onde precisa melhorar. Com essas informações fica mais fácil pensar num plano para, por exemplo, cumprir suas metas e objetivos. Além disso, escrevendo com frequência você pode melhorar habilidades como a forma de se expressar.

Como posso utilizar um diário de bordo?

Como ferramenta de Coaching, a recomendação é que todos os dias se escreva no diário. Três perguntas devem ser respondidas para direcionar sua reflexão quanto ao seu dia.

Porquê o dia valeu a pena? Respondendo isso você deve pensar em coisas boas: metas alcançadas, conquistas, boas ações. Lembre-se do que fez e o que te fez se sentir bem naquele dia. Podem ser coisas pequenas, algo que você fez por você mesmo ou grandes realizações. Concentre-se em pensar de forma positiva.

Se pudesse, o que faria de diferente nesse dia? Aqui você pensa nas suas falhas com o objetivo de mudar seu significado. Se deixou de fazer alguma coisa, por exemplo, isso pode ser a resposta. Pense no que impediu que a tarefa fosse feita, se ela exige alguma etapa antes de ser feita, e conclua o que deveria ter sido diferente para realizar a atividade.

Quais são as metas para amanhã? Organize seu dia e pense no que pode melhorar. Com essa resposta você deve pensar no que pode te fazer uma pessoa melhor com relação às suas atitudes atuais.

É claro que essas são apenas uma sugestão. Não só com essas perguntas, o diário pode ser usado como um espaço para organizar pensamentos. Escreva o que está preenchendo sua cabeça e tente acomodar os aspectos disso. Descreva seus problemas, suas metas, e encare tudo de forma o mais racional possível.

Se usado de forma correta, o diário pode trazer muitos benefícios. E pode ser feito num caderninho, no bloco de notas ou num aplicativo de celular. Escrever sobre pensamentos e atividades pode parecer uma atividade mínima, mas o hábito melhora sua produtividade e com certeza te fará crescer em muitos aspectos.

Curiosa, engenheira, independente e detalhista. Adora viajar, tirar fotos e mais um monte de coisas.

Deixe uma resposta